API Gateway e o seu uso em aplicações RESTful

API Gateway é uma ferramenta de gerenciamento que fica entre o cliente e uma coleção de serviços de back-end. Esta ferramenta intercepta todas as solicitações de entrada e as envia por meio deste sistema, que processa diversas funções necessárias, como gerenciamento de tráfego, suporte de CORS, controle de automatização e acesso, e monitoramento e gerenciamento de versões de API. Um gateway de uma API é uma maneira de desacoplar a interface do cliente de sua implementação no back-end.

O uso de uma API Gateway traz alguns benefícios para a implementação de APIs RESTful, como:

  • Isolamento dos clientes de como a aplicação é particionada em microsserviços, e de como determinar os locais das instâncias de serviço;
  • Fornece a API ideal para cada cliente;
  • Redução do número de requisições, permitindo que o cliente recupere dados de vários serviços com uma única “round-trip”;

Porém, nem tudo são flores: utilizar uma API Gateway em uma aplicação pode trazer alguns desafios para a implementação, como uma maior complexidade necessária à aplicação, por ser mais uma parte móvel que deve ser desenvolvida, implantada e gerenciada. Além disso, o seu uso em uma aplicação pode aumentar o tempo de resposta, devido ao salto adicional da rede através da API Gateway. Contudo, para a maioria dos aplicativos o custo de uma “round-trip” extra é insignificante.

Leave a comment